RED PHASE INSTRUMENTS















EQUILAMANG
Todos os Direitos
Reservados
Google
O SEU PARCEIRO
ENSAIOS DE TRANSFORMADORES

Equipamento de Ensaio de TC (Transformadores de Corrente) Energizados: 505B

Instrumentos portáteis de ensaio de TCs TTs e TTCs    
     

Em áreas de elevados ingressos de pessoas tais como Universidades; Centros Comerciais, Centros de Negócios, etc. na grande maioria dos casos não é possível desligar os TCs (fora do circuito), sendo nestes casos onde se requere uma alternativa de um ensaio dos TC ligados.

Ensaio de TC utilizando a Admitância...
Um baixo valor de admitância é um componete característico de um bom funcionamento de um bom TC.

Este valor de admitância pode ser medido com o TC no circuito utilizando o 505B (ver foto).
O instrumento 505B é coloca em série com um TC ligado ao circuito e sobre impone um pequeno sinal de 1.6kHz no secundário de medição do circuito em carga de 50 ou 60 Hz.
Um filtro interno do 505B extrai a leitura de admitância e a partir desta rápida evolução se conhece o estado geral do TC.
O ensaio de admitância, apenas acrescenta um tempo adicional de 10 minutos a um ensaio de medição polifásica e rapididamente se torna parte dos requisitos para testes de rotina das empresas de produção e distribuição de energia elétrica.

O 505B pode realizar as siguintes medições:

Tensão e corrente  a  50 ou 60Hz.
Ensaio de admitância a 1.6 kHz no secundário do TC.
Ensaio de admitância a 1.6 kHz no secundário do TC mais o circuito completo de medição..
Carga em VA do circuito de medição a jusante do bloco de ensaio, ou nos terminais do secundário do TC.
Carga em VA do circuito de medição a jusante do bloco de ensaio, ou nos terminais do secundário do TT (Transformador de Tensão)..
A unidade está provida de uma interface  USB no seu painel frontal para a descarga dos dados para um computador PC.



EQUIPAMENTO DE ENSAIO UNIVERSAL PARA TC/TT: 590J                                                                                                                            

A realização de ensaios de campo em Transformadores de Corrente e Tensão foi simplificado com o Modelo 590J.
Este produto de características completas combina todas as possibilidades de ensaios de medição de TC do popular modelo  590G-V2 com a vantagem adicional de que tambem é possível realizar ensaios em TCs de proteção assim como tambem, ensaios de plena carga indutiva em TTs. 

O 590J elimina a necessidade de acessórios adicionais pesados que geralmente são requiridos para realizar vários ensaios e diversos tipos de equipamentos poupando ao operador tempo e dinheiro.

Leve e portátil, o 590J está alojado nima caixa de plástico de elevada resistência ao choque e é fornecido com cabos, pontas  de teste e acessórios.

É fornecido com caixa com espuma para o transporte seguro e seu manuseamanto no terreno.

O 590J-1 possui as seguintes capacidades de ensaio fora de linha (Desnergizado)

- Relação de transformação do TC e medição do error de
  fase com uma precisão de 0.02%.
- Medições de excitação em TCs  de proteção.
- Ensaio de plena carga simulada em TT até  2 enrolamentos.
- Ensaio sin carga inductiva de TV.
- Ensayo de admitância a 1.6 Khz de TC.
- Ensaio de carga de TC e TT
- Resistência do enrolamento de TC e TT.
- Verificação da polaridade de TC e TT.
- Ensaios por lotes de medição de TCs..
- Avaliação automática de Classe.
- Descarga de registos para uma unidade flash USB ou PC.


Este instrumento de ensaio de TC e TT  reduz os custos de ensaio e sendo simples, robusto e rápido.
As suas capacidades permitem  aos técnicos de ensaios levar a cabo a tarefa muito importante dos ensaios dos transformadores e dos instrumentos de campo para detetar equipamentos defeituosos, perdas nas medições e falhas não previstas.

Este producto utiliza usa Software avançado em tempo real fornecido por FreeRTOS, para mais informações: http://www.freertos.org
Equipamento para o Ensaio de TC: 590G-V2 

     
Desde  1999, Red Phase Instruments vem a lidear a  fabricação de equipamentos portáteis de ensaio de erro em TCs.
Nosso método portátil de análises tem permitido às empresas de energía em todo o mundo ensaiar os seus TCs de medição de forma fácil e rápida, sem comprometer a precisão e sem a  necessidade de utilizar os métodos tradicionais que utilizam equipamentos volumosos e pesados

Seguindo os conselhos dos utilizadores, o modelo 590G-V2 é a última versão deste sucesso e comprovado equipamento para o ensaio de erros em TCs.

O 590G-V2 possui todas as características vantagens dos modelos anteriores com algumas vantagens de ensaio adicionais, melhor precisão, menor peso e tamanho.

Num mundo onde o controlo de custos está a ganhar cada vez mais importância,este equipamento de ensaio de TCs  não sómente reduz os custos de ensaio pela sua simpliscidade, confiabilidade e rapidez; mas também permite que os utilizadores de produção e distribuição de energia elétrica que desempenham tarefas importantes (mas às vezes esquecidos) para ensaiar CTs instalados para detetar manipulações indevidas e minimizar as perdas devido a defeitos de TCs.

Capacidade de ensaios do 590GV2:

Fora de linha (Desenergizado)

Medição da relação de transformação de TCs e erro de fase com uma precisão de 0.02%.
Ensaio de admitância de TC a 1.6 kHz.
Representação gráfica o determinação dos puntos da curva de excitação.
Ensaio de carga.
Medição da resistência de enrolamentos de TCs.
Verificação da polaridade de TC.
Ensaios simulados de plena carga de TT (com o acessório 590D-1)
Em Linha (Energizado)
Ensaio de TC energizados (com o acessório 590F)


Este producto utiliza usa Software avançado em tempo real fornecido por FreeRTOS, para mais informações: http://www.freertos.org
Equipamento de Ensaio de TC de AT: 590F                     


Para clientes que não podem desligar ou colocar fora de serviço os seus
TCs de medição para a realização dos seu ensaios, o acessório 590F1
AT (Alta Tensão) se pode agregar como um conjunto adaptador, aos equipamentos de ensaio de TCs nos modelos 590C, 590G e 590GV2.

A primeira parte deste conjunto consta de uma pínça na unidade de
TC a qual, se encontra montada no final de uma vara isolada.
Esta unidade possui um circuito eletrónico de compensação operado por baterías para a pínça TC o  qual, melhora muito a sua precisão numa ampla gama de operação, típicamente de 25A até 1450A.

Um microprocessador controla a compensação da pínça; comutar a gama de alcançe interna e fornecer a possibilidade de comunicação por meio de fibra óptica e uma interface RS-485.

O cabo de fibra óptica vai desde o 590F1 e a pequena unidade de interface na base da vara isolante. O sinal é transmitido através de um enrolador manual com 100 metros de cabo RS485 ao equipamento de ensaio de TCs 590C/G ou G-V2 CT.

A combinação da vara isolante e o cabo foram ensaiados  a 100 kV, entre linha e terra.
A tensão real de ruptura ou avaria da vara isolante e o cabo de fibra ópticaé muito maior que 100 kV, pelo  que, por razões de segurança do operador é sugerido não utilizar o conjunto acima desta tensão de 100 kV. Embora, com una vara isolante mais comprida e as precauções adequadas se possa utilizar a unidade 590F1 com tensões mais elevada.

A corrente do primário do TC medida pela pínça é enviada mediante um cabo ao equipamento de ensaio 590C/G ou G-V2 CT o qual, poderá encontrar-se até 100 metros do mesmo. É possível ligar-se em série diversos enroladores manuais de cabos até 400 metros no total.
A unidade  590C/G ou G-V2 mede a corrente do secundário do TC, 5A, 1A ou menor, cálcula a relação de transformação e o erro de fase com uma precisão de 0.1%.

Para o ensaio de TCs de BT (Baixa Tensão)  ou baixa corrente, podem ser utilizadas uma variedade de pínças  compensadas eletronicamente nos TCs.

Deixe-nos saber das suas necessidades para podermos adaptar a 590F para ser a mais adequada

Equipamento de Ensaio de TC: 590D-1                          


Este é um acessrio para o modelo 590G-V2 e é utilizado para realizar ensaios de plena carga em TTs indutivos. Possui uma fonte de tipo comutada de elevada potência (típicamente 1.2kW ) para o ensaio de TTs a plena carga em condições de arga simuladas com uma precisão de 0.1%.

Utiliza as funções existentes de medição e processamento do 590G-V2 combinadas com seu próprio sistema de interface de monitorização controlados por um processador.
A comunicação entre as duas unidades se realiza através de uma ligação série.

A unidade 590D-1 é a interface entre o modelo 590 e o TT indutivo em ensaio.

O  590D-1 mede:

Resistência de primário e de secundário.
Admitância do enrolamento secundário com o primário em curto-circuito.
Admitância do primário calculada na base da relação de transformação.
Relação de transformação e relação de tensão sem carga.
Admitância no secundário com o primário em circuito aberto.

Finalmente o microprocessador cálcula os erros de TT em 6 pontos de ensaio.
Estes pontos de ensaio estão típicamente entre 25% e 100% da carga nominal sobre 80%, 100% e 120% da tensão nominal.
O 590D-1 é fornecido com estes pontos padrão pré-determinados e pré-configurados/programados, pelo que,  o  operador também pode adicionar o seu próprio conjunto de pontos através do modelo 590C/G ou G-V2.
Equipamento de Ensaio de TVC: 590K                                


Análises de TTC baseado na carga real

As características incluem:
Capacidade para ensaiar erros da relação de transformação até
uma carga de 500VA.
Fator de potência seleccionável.
Precisão do erro da relação de transformação de 0.05%.
Quatro pontos seleccionáveis de ensaio de TTC padrão para seleccionar.
Ensaio TTCs com características nominais até 500 kV com 3 enrolamentos secundários.
Realmente portátil aprox. 20kg.

A ter em consideração:
Este não é um equipamento de ensaio para comparar a relação de
transformação.

A investigação e desenvolvimento  realizadas para desenvolver este equipamento são únicas em sua classe.
Mais de 60 TTCs de mais de 12 fabricantes distintos foram cuidadosamente caracterizados em condições laboratoriais e no campo para criar un modelo de software complexo que pode medir TTCs conhecidos até uma precisão de 0.05% de erro na relação de transformação e naqueles casos desconhecidos com uma precisão até 0.25% de erro nas  condições reais de carga.

Na condição de ensaio o 590K toma um número de medidas e caracteriza o TTC.
Uma vez feito isto, cálcula o desempenho do TTC com diferentes cargas e aplica condições de tensão para corresponder com qualquer dos quatro tipos mais comuns de TTC.
Se são requiridos outros pontos de medição, a Red Phase Instruments pode modificar estess pontos para se ajustarem a qualquer regulamentação local.

Assim, em comparação com os métodos tradicionais destaca-se o 590k como a única alternativa verdadeiramente portátil para avaliar a relação de transformação com carga com uma ampla gama de configurações VA e fator de potência flexível.


O equipamento de ensaio TTC usa uma combinação de um processador de sinal digital e  um microcontolador PC104 para fornecer um instrumento simples de usar como uma poderosa ferramenta, que é executado num ambiente do sistema operacional Windows XP. Um monitor colorido no painel frontal fornece acesso às informações
Equipamento de Ensaio de Cargas: 704                   


Este equipamento de ensaio pequeno e alimentado por baterias
é  ideal para realizar ensaios de carga rápidos em
circuitos de medição e proteção de TCs.

A pínça CT (figura) é ligada à cablagem do secundário do CT e as pínças tipo "crocodilo" estão ligadas aos terminais do TC.

O instrumento cálcula a carga como a relação entre a tensão e a corrente.

A precisão da medição da carga é típicamente de 1% a 5A e 5V, e disminui a 5% a 0.01A e 0.01V.
TC de Referência: 590-RT


O nosso TC de referência 590 é uma plataforma de referência multi-etapa para a calibração e precisão das nossas séries 590 de equipamentos de ensaio de TC .

Está equipado com um primário de múltiplas espiras para incrementar a precisão para o ensao de TCs de baixa relação de transformação. O erro do TC de referência está muito dependente da relação seleccionada para o ensaio. Estes não são eletronicamente compenssados e possuem erros menores que 0.01% para as relações mais elevadas.
O TC de referência está montado numa robusta mala com um comutador  seleccionável múltiplo e terminales para ligação.
Consulte os nossos serviços. Nós responderemos tão breve quanto possível. Clique aqui
Webmaster: Equilamang.dit - Todos os Direitos Reservados